Foto de bandeirinha viraliza e mostra o machismo na sociedade brasileira

Por Charley Gima/FuteRock

Uma foto de uma bandeirinha cercada por jogadores que contestavam sua decisão viralizou nesta semana e mostrou como a sociedade brasileira é machista!

A foto foi tirada pela fotógrafa Pei Fon, que também é editora da revista Rock Meeting, que conseguiu flagrar o momento em que a bandeirinha Raquel Barbosa era cercada por jogadores do Murici, em jogo válido pelo campeonato Alagoano.

Sim, a foto é linda, o enquadramento perfeito, mas a comoção gerada em cima da foto só reforça a ideia de que a sociedade brasileira é mesmo machista, e mesmo as feministas que se “identificaram” com a foto ou com a assistente de árbitro Raquel Barbosa, só reforçam o machismo ao exaltar a forma como ela suportou a pressão dos jogadores do Murici.

Compre agora as camisetas FuteRock, Faça o seu pedido pelo e-mail: contatomig18@gmail.com 

Camiseta FuteRock, só R35,00 cada

As camisetas FuteRock são vendidas nos seguinte tamanhos:

Masculina: PP, P, M, G, GG e EXG

Baby Look: P, M, G e GG.

Qualquer modelo modelo e tamanho de camiseta por R$35,00 cada.

Mas então por que quando um árbitro ou assistente do sexo masculino age desta forma não vira notícia? Como eu disse anteriormente, é o mínimo que se espera de um árbitro e seus assistentes. Seria essa exaltação toda um machismo enrustido? O que é pior, aplaudido por algumas feministas de carteirinha!

Explico meu ponto de vista: a calma e serenidade demonstrada por Raquel não é o mínimo que se espera de um árbitro e seus assistentes? O que aconteceu com Raquel ocorre em praticamente todos os jogos de futebol, seja amador ou profissional, da várzea ao Camp Nou!

Com certeza Raquel Barbosa fez o curso de arbitragem, estudou, passou no teste físico e barrou vários homens para poder estar em campo trabalhando. Por que exaltar desta forma a atitude que ela teve de suportar a pressão de forma tão serena? Só por ser uma mulher? Todos os árbitros e assistentes são orientados a agirem desta forma!

Edifier com desconto e frete grátis,
clicar aqui e usar o código “FuteRock”

O fato de exaltarem tanto o gesto de Raquel mostra que a sociedade ainda coloca as mulheres como “inferiores” física e mentalmente, coisa que elas já provaram que não são há muito tempo! Comemorar ver uma mulher suportar a pressão de jogadores homens, para mim é algo ultrapassado e machista!

Quer entender meu ponto de vista? Imagina se este fato acontecer 10 vezes seguidas em mais alguns jogos de futebol, a foto ainda seria notícia? Tenho certeza que não! Por que como já dito neste post, esta é uma atitude que se espera de um árbitro, independente do sexo! Ou seja, fizeram muito barulho em cima do que é padrão!

Agora só falta uma revista masculina convidar a Raquel para posar nua como já fizeram com outra bandeirinha, aí eu quero ver…

E você? Qual sua opinião a respeito?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *